Destaques

Federação analisa duas propostas pelos direitos de transmissão do Paranaense 2022


Tubarão é o atual campeão do Campeonato Paranaense. (Foto: Ricardo Chicarelli/ Londrina EC)



Previsto para começar no dia 22 de janeiro (sábado), o Campeonato Paranaense segue sem fechar acordo para transmissão dos jogos. Nesta terça-feira (4) a repórter Monique Vilela, da Rádio Banda B de Curitiba, informou nas redes sociais que haveria duas propostas de venda de direitos na mesa do presidente Hélio Cury, da Federação Paranaense de Futebol (FPF), segundo palavras do próprio cartola.

“Está bem adiantado o processo de negociação com a TV aberta. Cada clube precisa ceder um pouco para atender a todos, um bom senso, se não fica complicado”, disse o presidente.

“É fundamental para todos [a transmissão do Paranaense]. Para o clube divulgar seu patrocinador, para o torcedor que não pode ir ao campo. Tem vários fatores favoráveis nesse sentido. Temos duas situações: streaming 90% encaminhado e TV aberta. Discutimos com dois canais, um dele está bem encaminhado. A definição deve acontecer no máximo semana que vem”, completou.

Em dezembro último, a Rede Massa (afiliada SBT) fez proposta oficial para comprar os direitos de TV aberta das próximas duas edições (2022/2023). O valor proposto é de R$ 500 mil por ano, quitado em até cinco parcelas mensais. A proposta também engloba um valor variável de 20% da renda líquida obtida com publicidade durante os jogos e também em placas nos estádios.


Nenhum comentário

Deixe seu comentário

google.com, pub-9520917601195140, DIRECT, f08c47fec0942fa0