Destaques

Estreia nova temporada de Sexta Black, no GNT


Após o sucesso da primeira temporada, Luana Génot, convida personalidades e especialistas para debaterem, de forma leve e cheia de informação, temas sobre Família, gênero e sexualidade


Nesta sexta-feira, 13 de agosto, estreia no canal do Youtube da GNT a segunda temporada do “Sexta Black”, programa de entrevistas criado e comandado pela publicitária, escritora, apresentadora e mestra em Relações Étnico-Raciais, Luana Génot.


Durante os cinco episódios de cerca de 20 minutos, serão abordados, a partir da pauta racial, diferentes discussões sobre a sociedade. “Exibida em novembro do ano passado, a primeira temporada nos deu uma experiência de forma que, nessa segunda temporada, a gente tivesse mais liberdade para ampliarmos as nossas discussões de forma muito mais fluida e de forma que os nossos convidados pudessem explorar novas nuances de suas histórias”, explica Luana.


O primeiro episódio traz a atriz Samara Felippo, falando sobre racismo recreativo e a importância de discutir sobre privilégios, estereótipos e educação. Branca, mãe de duas meninas negras fruto de seu relacionamento com o jogador de basquete Leandrinho, a atriz tem cada vez mais se envolvido na pauta antiracista.


"Espero que no futuro minhas filhas sejam livres para ter o cabelo que quiserem e ocupar o lugar que quiserem. E que a gente não tenha mais que discutir o óbvio e que escolas e faculdades consigam entender a pauta antirracista. É um futuro que acho utópico mas que quero muito acreditar que virá”, diz a atriz, em entrevista


A especialista Lia Schucman, professora da Universidade Federal de Santa Catarina cujas pesquisas têm ênfase em movimentos sociais, entra na conversa trazendo pontos importantes sobre os principais conceitos sobre o marcador branco como a centralidade do corpo branco forjada na infância e qual a diferença entre injúria racial e racismo recreativo.


“É uma conversa muito aberta e íntima em que nós recebemos eles em uma casa para ouvirmos um pouco das suas experiências e convívio com familiares e amigos. os convidados e uma equipe de especialistas, compartilham experiências e abordam conceitos de uma forma leve, divertida e cheia de informação. Apresentando de forma orgânica algumas das situações sobre suas experiências e relações a interseccionalidade”, completa Luana, reforçando que, como as gravações aconteceram entre 26 e 30 de agosto, todas as medidas sanitárias foram tomadas como o distanciamento social, testes de PCR antes e depois da gravação, higienização completa dos materiais de trabalho entre outras.


A segunda temporada ainda contará com as participações de Erica Malunguinho, educadora, artista plástica e eleita primeira parlamentar trans; Ana Hikari, atriz, mulher amarela e bissexual; Thalita Carauta, atriz que está, atualmente, em um relacionamento com a também atriz Tamirys Ohanna, sua colega de elenco na série "Segunda Chamada"; e Weena Tikuna, artista indígena brasileira que fez história, em 2019, ao tornar-se a primeira indígena a protagonizar um desfile de Moda no Brasil Eco Fashion Week.


Os episódios inéditos de “Sexta Black” vão ao ar todas às sextas-feiras, às 20h no canal do Youtube da GNT.


Nenhum comentário

Deixe seu comentário