Destaques

Tv Globo volta a crescer em 2021 e planeja intensificar investimento em conteúdo



Foto: Reprodução/Globo


A  Tv Globo Comunicações e Participações (GCP) pretende elevar em 50% seus investimentos em conteúdo em 2022, conforme declarou o diretor geral de finanças da Globo, Manuel Belmar, ao jornal Valor Econômico. A matéria de João Luiz Rosa publicada nesta quinta, 16, aponta que a GCP fechará 2021 com receita em alta e dinheiro em caixa.

O faturamento total do grupo deve fechar o ano com crescimento entre 17% e 19%, sendo a maior parte em publicidade, cujo crescimento esperado é algo entre 22% e 24%. A publicidade representa aproximadamente 60% do faturamento total da GCP, enquanto conteúdo, cujo crescimento deve ser em torno de 8%, representa o restante.

A Globoplay teve faturamento 70% maior nos nove primeiro meses de 2021, com crescimento de 27% na base. O crescimento de um dígito previsto para todo o ano em conteúdo é reflexo da constante queda de base da TV por assinatura no país.

Se a expectativa de crescimento no faturamento total de 2021 se concretizar, a Globo Comunicações e Participações deve faturar no mínimo R$ 14,651 bilhões. Com isso, recupera a queda de 11,1% em 2020 e ainda supera o faturamento total de 2019, quando contabilizou R$ 14,09 bilhões.

Investimentos

Belmar disse à publicação que, além de elevar em 50% o investimento em conteúdo, a Globo pretende manter o investimento em tecnologia, sem mencionar valores. A título de referência, em 2020 a GCP investiu R$ 4,5 bilhões em conteúdo e R$ 1 bilhão em tecnologia.

A meta, explicou, tornar a empresa menos intensiva em ativos fixos, com mais investimentos em novas competências. A migração de seu acervo para o Google Cloud foi um passo importante neste caminho.


Com informações, TELA VIVA

Nenhum comentário

Deixe seu comentário

google.com, pub-9520917601195140, DIRECT, f08c47fec0942fa0