Destaques

Três emissoras de TV disputam direitos de transmissão do Campeonato Mineiro




O Campeonato Mineiro segue sem acordo de TV para a próxima temporada. A Globo, que já abriu mão de alguns Estaduais pelo país por entender que não vale mais a pena financeiramente transmitir a competição de determinados estados, conta com a concorrência de outras duas TVs em Minas.

A informação foi revelada pelo presidente da FMF, Adriano Aro, em entrevista à Rádio Itatiaia de Belo Horizonte. “Hoje, a Federação tem trabalhado em diferentes flancos. Estamos diante de uma nova realidade do futebol como um todo, uma nova realidade de mercado. A Rede Globo, que é a emissora detentora dos direitos, tem saído de praças importantes, como Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, além de outros estados”, disse.

“Mas, aqui em Minas Gerais, eu posso dizer o seguinte: a Rede Globo terá uma parcela de exibição do nosso campeonato, não sei precisar hoje quanto ela irá se dedicar à exibição do nosso campeonato. No entanto, existem outras duas emissoras interessadas. Nós temos realizado conversas e tenho certeza que até o final do ano teremos o cenário muito bem pavimentado”, completou Aro.

Contudo, apesar de ainda estar negociando, a tendência é que a Globo não transmita o Campeonato Mineiro em 2022 na TV aberta, já que teria que pagar um valor fixo sem ter a garantia do retorno financeiro. Desta forma, a emissora tenta fazer a transmissão apenas no pay-per-view, onde a cota a ser recebida pelos clubes vai variar conforme a arrecadação obtida pela empresa nas assinaturas do canal Premiere.

“Ao que tudo indica, hoje, é que há uma grande possibilidade de termos uma nova emissora como detentora dos direitos de TV aberta. A Rede Globo não encerrou as negociações, ainda há o interesse dela, mas existem outras duas emissoras que estão conversando com a Federação a fim de tentar, de alguma maneira, promover o nosso futebol mineiro”, explicou Adriano Aro, que destacou o esforço da FMF em explorar outras formas de transmissão, como o streaming criado no ano passado para mostrar todas as partidas do Estadual pela internet pagando um valor mensal.


“Além disso, existem outros meios que a Federação tem explorado, como os meios digitais, que é importante principalmente para o torcedor do interior do estado, pois transmitimos todos os jogos do campeonato. A ideia pra 2022 é repetir esse modelo”, observou.


Nenhum comentário

Deixe seu comentário

google.com, pub-9520917601195140, DIRECT, f08c47fec0942fa0