Destaques

ID estreia o especial Crimes Misteriosos: Os Quatro Garotos da Pensilvânia


Documentário em duas partes relata esforços para investigar os desaparecimentos de quatro jovens, ocorridos na mesma região e com intervalo de dois dias


Na noite de sábado, 15 de maio, o ID vai a fundo em um caso recente com a estreia de sua produção original CRIMES MISTERIOSOS: OS 4 GAROTOS DA PENSILVÂNIA (The Lost Boys of Bucks County). Em documentário com duas partes exibidas em sequência a partir das 20h30, o canal revive os momentos dramáticos que sucederam o 5 de julho de 2017, quando Dean Finocchiaro, então com 19 anos; Thomas Meo, 21; Jimi Patrick, 19; e Mark Sturgis desapareceram sem deixar pistas.

Os quatro eram moradores da mesma comunidade pacata localizada na região pitoresca do condado de Bucks, território do estado da Pensilvânia em divisa com a Filadélfia. Predominante composto por propriedades rurais, o lugar é digno de cartão-postal e, até o fatídico 5 de julho, parecia um reduto de proteção e segurança.

Jimi, Dean, Mark e Thomas moravam em diferentes partes do condado de Bucks. Apenas dois deles, os melhores amigos Mark e Tom, tinham contato direto entre si – que fosse do conhecimento de suas respectivas famílias e das autoridades –, mas as circunstâncias em torno de seus desaparecimentos eram muito semelhantes. O primeiro a não voltar para casa foi Jimi; apenas dois dias depois, as famílias de Dean, Thomas e Mark procuraram a polícia, relatando o mesmo tipo de sumiço: todos saíram de casa dizendo voltar logo e logo em seguida pararam de responder os contatos da família.

A primeira parte do documentário relembra a vida dos quatro jovens antes do desaparecimento; entrevistas com os familiares fornecem a perspectiva íntima e devastadora daqueles perceberam a tragédia se aproximando: pais, avós, irmãos e amigos que tentavam contato com eles, sem sucesso. Arquivos pessoais, fotos e vídeos complementam as entrevistas, que também incluem os relatos dos detetives destacados para o caso.

Os documentários também mergulham nos desdobramentos das investigações, seguindo a cronologia dos casos. Enquanto a família de Jimi procuram por ele desesperadamente, Dean também desaparece. Os pais de Dean fizeram uma varredura nas redes sociais do filho e encontram um nome que não lhes soava familiar: Cosmo DiNardo, também conhecido de Jimi. O rastreamento da localização dos celulares de ambos possibilitou à polícia descobrir onde os aparelhos foram utilizados pela última vez. A resposta é a mesma: Solebury, uma região rural onde os DiNardo, uma família importante na região, tem propriedades.

Durante uma busca noturna nas terras dos DiNardo, os policiais encontram um carro que, surpreendentemente, pertence a um terceiro rapaz, cuja mãe estava na delegacia naquele exato momento para relatar seu desaparecimento: Thomas Meo havia sumido junto a seu melhor amigo, Mark. A polícia está convencida do envolvimento dos DiNardo no caso, mas ainda não sabe se Cosmo estaria no papel de vítima ou de algoz.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário