Destaques

Dirigente do Flamengo fala sobre a Tv Globo e diz "ser difícil prever" renovação de contrato com a emissora


(Foto: Globo e Flamengo - Ilustração: Allan Simon)


O vice de comunicação e marketing do Flamengo, Gustavo Oliveira, em recente entrevista à revista Placar, falou sobre a relação do clube carioca com a TV Globo.

“A Globo é a maior parceira do futebol brasileiro e também do Flamengo, apesar de termos um grau de dependência menor do que outros times, pois ampliamos nossas fontes de renda. Temos ótimo relacionamento com a Globo, um contrato excelente com eles para o Brasileirão, vigente até 2024. O que acontece é que ano passado, tivemos uma decisão estratégica de valorizar nosso conteúdo e, no caso do Campeonato Carioca, o Flamengo representava 70% do pay-per-view, dava o dobro de audiência, mas recebia o mesmo que os outros clubes grandes. Achávamos que merecíamos receber mais, a Globo não concordou e tudo bem, o contrato não foi renovado. Buscamos então outras alternativas como a FlaTV, conseguimos alguma receita, que evidentemente não igualou os R$ 18 milhões, mas serviu de aprendizado nesta valorização de conteúdo e o movimento foi crescendo, inclusive em outros clubes“, declarou.

Apesar de ressaltar a parceria com a emissora, Gustavo não garantiu a renovação de contrato com a para o Brasileirão de 2025. “As coisas estão mudando com muita rapidez, é difícil prever. O que eu gostaria: que houvesse grandes players disputando o conteúdo do futebol brasileiro. A NFL está muito valorizada porque tem muita gente disputando: Facebook, Amazon, as emissoras de TV aberta e fechada, todo mundo brigando por aquele conteúdo. Guardadas as proporções, esse seria o nosso cenário sonhado, ter diversos players disputando o Brasileirão e eventualmente fatiando. Esse conceito é bastante razoável e dá bastante dinheiro lá fora. É o que já está acontecendo com a Libertadores, no SBT, Fox e Facebook“, disse.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário