Destaques

Agência processa DAZN por rescisão de contrato do Campeonato Italiano no Brasil


Reprodução)


A agência IMG decidiu processar a plataforma de streaming DAZN pela rescisão contratual dos direitos do Campeonato Italiano no mercado brasileiro em 2020 por causa da pandemia do novo coronavírus, informa a coluna de Gabriel Vaquer, no UOL Esporte. O contrato assinado em 2019 iria até o fim da temporada 2020/2021. 

Na disputa jurídica, que ocorre no Tribunal Superior de Londres, a IMG quer receber US$ 11,5 milhões (R$ 69,4 milhões na cotação atual) por pagamentos pendentes e perdas comerciais causadas pela quebra de contrato. Sem o DAZN, a IMG vendeu os direitos de transmissão para o Grupo Globo (TV paga), TNT Sports (TV paga e streaming) e Band (TV aberta e TV paga). 

"O DAZN buscou rescindir o negócio sob o falso pretexto de que houve um evento de força maior quando na verdade tal evento não ocorreu", afirma a IMG no documento que pede a condenação. "Não era um meio pelo qual a contraparte - ou seja, a parte cujas obrigações contratuais não foram afetadas pelo evento de força maior - pudesse tentar escapar de suas obrigações nos termos do contrato", diz a agência.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário