Destaques

SBT conquista a liderança no Rio de Janeiro e chega aos 12 pontos em SP,com jogo da Libertadores


(Reprodução)

Na noite desta quarta-feira, dia 30, o SBT transmitiu mais duas partidas válidas pela fase de grupos da Copa Libertadores da América e registrou excelente desempenho nas duas principais praças do país.

No Rio de Janeiro, com a exibição do jogo entre Flamengo e Independiente del Valle (EQU), no Estádio do Maracanã, das 21h31 às 23h26, o SBT marcou 18,4 pontos de média, 29% de participação e 21,1 pontos de pico. O pico de audiência ocorreu das 22h20 às 22h21, neste minuto o SBT marcou 111% mais audiência que a emissora segunda colocada.

A média do SBT foi 55% superior ao registrado pela emissora segunda colocada, que na mesma faixa horária marcou apenas 11,8 pontos com a exibição de uma partida válida pelo campeonato nacional. A terceira colocada ficou com 9,8 pontos de média.

Comparando com a quarta-feira anterior, dia 24/09, a faixa horária do SBT cresceu 393% em audiência. A emissora segunda colocada, considerando o mesmo período, perdeu 52% de público.

A transmissão, que contou com a narração de Luiz Alano e comentários de Eugênio Leal e Junior Baiano, alcançou 2,3 milhões de pessoas e 1,6 milhão de lares somente no Rio de Janeiro.

O Flamengo goleou o Independiente Del Valle-EQU por 4 a 0, assumiu a liderança do grupo A e garantiu a classificação às oitavas de final da principal competição de clubes do continente.

São Paulo

Na noite desta quarta-feira, dia 30, o SBT também transmitiu a partida entre River Plate (ARG) e São Paulo, realizada no estádio Libertadores da América, em Avellaneda, na Argentina, e registrou 9,6 pontos de média, 14% de participação e 12 pontos de pico.

No horário da transmissão da partida, das 21h30 às 23h25, que contou com a narração de Téo José e comentários de Mauro Beting e Edmílson, a emissora impactou 2,5 milhões de telespectadores e chegou a 1,8 milhão de lares na Grande São Paulo.

O São Paulo perdeu por 2 a 1 para o River Plate e está eliminado da Copa Libertadores 2020.

Fonte: Kantar IBOPE Media

Nenhum comentário

Deixe seu comentário