Destaques

Série ‘HIT’ estreia nesta segunda na TVE abordando problemas escolares da sociedade espanhola


O elenco de 'HIT' | Divulgação/RTVE

Estreia na próxima segunda-feira (21) na TVE Internacional, a série original HIT, que abordará com um olhar crítico e permitirá entender o que está acontecendo com as escolas da Espanha, nos aproximando do ensino, cotidiano das salas de aula e problemas sociais que mais preocupam os adolescentes. Cada episódio da ficção abordará no colégio Anne Frank temas como bullying, consumo de drogas, sexo, vícios, pornografia, a solidão dos mais jovens e a falta de estímulos no sistema educacional atual. 

Produzida pela RTVE em parceria com o Grupo Ganga, HIT acompanhará Hugo Ibarra Toledo (Daniel Grao), um professor e pedagogo atormentado por seu passado e que deixa seu trabalho para defender métodos de ensino nada convencionais. Ele é provocador, egocêntrico e politicamente incorreto - capaz de despertar amor e ódio -, mas é o único que poderá acabar com os problemas da escola seriamente afetada por um ato de vandalismo. 

Segundo criador e co-diretor da série, Joaquín Oristrell, HIT “descreve, sem meias medidas, o que não vai bem nas salas de aula de milhares de centros educacionais na Espanha”. 

“Depois de tantos anos no cinema e na televisão, 'HIT' dá sentido a todos os meus trabalhos anteriores. É uma aposta de alta tensão, um compromisso, uma série necessária. Agradeço a coragem da RTVE em assumir este desafio”, conta. 

Fernando López Puig, diretor de Conteúdo e Canais da TVE, afirmou que HIT vai abordar muitos assuntos da atualidade. “A questão educacional está mais em voga do que nunca porque as relações entre professores, alunos e pais não são circulares”. 

Ele explicou que “a série não pretende consertar nada, mas sim trazer ao senso comum. E ele faz isso de forma prática: há um caso, um grupo de crianças em conflito e um personagem que também entrará em conflito com o espectador. É uma série que quer que a família se reúna para ver e refletir”, finalizou. 

O roteiro de HIT teve participação de Jesús Niño, ex-defensor de professores no ANPE Castilla y León (Associação Nacional dos Professores da Educação), e de profissionais de outras associações como a ANAR (Ajuda a Crianças e Adolescentes em Risco), Sexpol ou CEAPA (Confederação Espanhola de Pais de Alunos) no processo de documentação e redação dos episódios. 

Após a estreia do primeiro episódio o jornalista apresentará “¿Quién educa a quién?”, um debate ao vivo que reunirá especialistas, professores, pais e alunos para analisarem profundamente a educação dos jovens e conflitos de gerações na sociedade. O debate acontecerá semanalmente para discutir os temas retratados no episódio exibido no dia. 

O debate abordará nesta estreia os medos de alunos e professores ao voltarem para as salas de aula, marcado por incertezas de uma pandemia global que mudou a nossa forma de aprender, arrastando problemas herdados durante anos, como violência, assédio, sexo e vícios. 

A fragilidade do sistema educativo espanhol e as ameaças que enfrenta contará com as opiniões de Manuel Vilas, professor e escritos; María Galiana, atriz, professora de história e de ensino médio durante a maior parte de sua vida profissional; Carolina Fernández del Pino, vice-presidente da ANPE Madrid); as estudantes Khadija Ahahiou Zinoun e Claudia Ortega; e Andrea Henry, presidente da Confederação Estadual de Associações de Estudantes; além de Mara Dierseen, neurocientista que nos ajudará a entender a base de nossos medos. Participará também os atores Daniel Grao, María Rivera, Leyre Cabezas e Nourdin Batán. 

 

Estreia de HIT/¿Quién educa a quién?

21 de setembro de 2020 (segunda-feira)

Horário: 22h

TVE Internacional

Operadoras: NET Claro, Vivo TV, Oi e operadoras associadas a NeoTV


Nenhum comentário

Deixe seu comentário