Destaques

SBT planeja demitir cerca de 500 profissionais de várias áreas

Foto:divulgação/SBT

A situação financeira do SBT não está em suas melhores fases. Prova disto é que a emissora planeja uma demissão em massa até o final do ano. Enquanto isso, a direção festeja a compra pelos direitos de transmissão da Copa Libertadores da América, que estava há décadas nas mãos da Globo.

Segundo o Notícias da TV, o canal de Silvio Santos prevê demitir cerca de 500 profissionais de várias áreas. O corte acontecerá por causa da crise provocada pelo novo coronavírus e também pelo alto investimento na compra de direitos de transmissões de campeonatos.

Além da Libertadores, o SBT conseguiu neste ano exibir a final do Campeonato Carioca, quando a Globo decidiu cortar o acordo que tinha com a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro, em julho passado.

A publicação informou ainda que o último trimestre da emissora costuma ser sempre mais complicado, pois é um período em que a empresa tenta enxugar ao máximo para fechar o balanço anual com saldo positivo.

Nesta segunda-feira (20), Roberto Cabrini não conseguiu chegar a um acordo com o canal da Anhanguera e, com isso, não renovou o seu contrato após 11 anos. A direção entende que, apesar de ser bem avaliado, o Conexão Repórter não apresenta bons resultados comerciais.

Com informações,RD1

Nenhum comentário

Deixe seu comentário