Destaques

'Jornal da Record' atinge mais de 132 milhões de pessoas


Desde quando passou a ser exibido a partir das 19h45, telejornal consolidou a vice-liderança isolada no PNT (Painel Nacional de Televisão) e em 11 praças


Desde o dia 2 de dezembro de 2019, quando passou a ser exibido a partir das 19h45, até 25 de maio deste ano, o Jornal da Record atingiu mais de 132 milhões de telespectadores em todo o país, além de ter consolidado a vice-liderança isolada no PNT e em 11 praças. 

As edições do JR exibidas ao longo do dia também conquistaram a vice-liderança no período em regiões estratégicas, como São Paulo, Salvador e Distrito Federal, dentre outras.

Segundo a projeção dos danos do Painel Nacional sobre o Atlas de Cobertura da Record TV, a edição principal do Jornal da Record alcançou, neste período, mais especificamente, a marca de 132 milhões e 263 mil telespectadores.

Também considerando o período da mudança de horário até 25 de maio, o programa consolidou a vice-liderança absoluta com dois pontos de vantagem no Mercado Nacional e em São Paulo.

No PNT, o jornalístico ficou com 8,3 pontos de média, contra 6,3 pontos de média da concorrente, entre 2 de dezembro de 2019 e 25 de maio de 2020.

Em São Paulo, registrou 8,6 pontos de média, contra 6,6 pontos de média da terceira colocada.

Destaque ainda pra Salvador, onde o telejornal abriu vantagem de 5,5 pontos sobre a concorrente, com placar de 12 a 6,5; e Goiânia, cidade em que a média foi ainda maior, 12,2, contra 9,9 da outra emissora.

Em Vitória, a vice-liderança absoluta foi conquistada ao chegar à média de 9,4 pontos, enquanto a terceira colocada registrou 7,1 pontos.

Em Belém, alcançou 8,3 pontos. A terceira colocada ficou com quase a metade disso,  4,4 pontos.

Em Belo Horizonte e no Distrito Federal , o telejornal abriu boa margem sobre a concorrente, ao marcar 9,3 pontos de média. Na capital mineira, a concorrente registrou  6,7 pontos; e no DF, 5,8. 

O Rio de Janeiro é outra praça com números expressivos. O Jornal da Record marcou no período 8 pontos de média  e uma larga vantagem sobre a concorrente, que registrou 5,6 pontos.

Em Campinas, outro ótimo placar: 7,3 a 3,7 pontos de média.

A média de Recife se aproxima do resultado de Campinas. Na capital pernambucana, o Jornal da Record atingiu 7,2 pontos. A outra emissora alcançou 5,8 pontos.

No sul do país, em Porto Alegre, o telejornal foi vice-líder com 5,2 pontos, contra 4,2 da concorrente.

Edições extras

Bons resultados também foram alcançados pelas edições extras do Jornal da Record.

O JR exibido às 11h45 foi vice-líder isolado em Salvador, Distrito Federal e Campinas.

No ar a partir de 16h40, o programa consolidou o segundo lugar em Belo Horizonte, Salvador, Distrito Federal, Campinas, Belém e Vitória.

Já a edição de 17h55 conquistou a segunda posição no ranking de audiências em São Paulo, Belo Horizonte, Porto Alegre, Distrito Federal Campinas e Vitória.

Fonte: Kantar Ibope Media / Media Work Station / Dados domiciliares / Mercado Nacional e Regiões Metropolitanas

Nenhum comentário

Deixe seu comentário