Destaques

TV por assinatura perde 90 mil assinantes em março


Projeção para o final de 2020 é que TV por assinatura fique abaixo dos 15 milhões no Brasil (Crédito: Pixabay)


Dados consolidados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) indicaram que a TV por assinatura perdeu mais de 90 mil assinantes em março, período em que praticamente todo o País entrou em quarentena.
Segundo o UOL, as projeções para o setor são desanimadoras, uma vez que o desemprego está em alta e o poder aquisitivo dos brasileiros está cada vez menor, além da oferta dos serviços de streaming, como o Netflix e o Amazon Prime, que são mais baratos e fazem um serviço por demanda com mais critério para os gostos dos assinantes.
A TV por assinatura fechou o mês de março com 15,38 milhões de assinantes e deve encerrar 2020 abaixo dos 15 milhões de assinantes. Em 2014, o serviço de TV paga contabilizava cerca de 20 milhões de assinantes, indicando que mais de 25% dos clientes deixaram de assinar este tipo de conteúdo.
A Claro Net tem 7,6 milhões de assinantes e perdeu 58,5 mil em março. A Sky perdeu 28 mil e contabiliza 4,5 milhões de usuários, enquanto a Vivo perdeu 11 mil assinantes e presta serviços a 4,5 milhões de assinantes. Somente a Oi, que está em crise financeira, recebeu 8,2 mil novos assinantes e tem 1,5 milhão de assinantes no sistema.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário