Destaques

SBT lançará canal infantil online; novo canal em Tv aberta está descartada




O SBT anunciará na próxima semana um canal online infantil e educativo. Na última quarta, 6, a Coluna Leo Dias, do Uol, noticiou que a emissora de Silvio Santos usaria a multiprogramação da TV digital para fazer um segundo canal infantil e educativo. Segundo apurou TELA VIVA, não está nos planos da emissora o uso da multiprogramação da TV digital e o canal planejado será exclusivamente online.
Segundo a área de comunicação do canal, "o SBT irá lançar em breve um canal dirigido ao público infantil na plataforma digital e não em um novo canal da TV Aberta. Devemos informar os detalhes na próxima semana".
De acordo com Roberto Franco, head de assuntos institucionais e regulatórios do SBT, não há planos de um segundo canal usando a multiprogramação da TV digital em nenhuma emissora própria do SBT. Ele não descarta, portanto, que alguma afiliada adote a multiprogramação.
Decreto 10.312/20, publicado no início de abril, amplia temporariamente à radiodifusão comercial a possibilidade de explorar a multiprogramação, mas exclusivamente em convênio com a União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios. Além disso o conteúdo deve ser especificamente destinado às atividades de educação, ciência, tecnologia, inovações, cidadania e saúde. Com validade de 12 meses e não prorrogável, o decreto visa viabilizar a educação à distância durante a quarentena imposta por conta do Covid-19.
A TV Cultura de São Paulo já colocou no ar, em convênio com o Estado de São Paulo, um canal com tal finalidade. O Governo do Rio de Janeiro vem sondando emissoras para fazer convênio semelhante e, conforme apurou este noticiário, o SBT chegou a ser procurado, mas o projeto não foi adiante.
Multiprogramação comercial
O uso de multiprogramação na TV digital comercial divide o setor desde 2009, opondo a Abert à Abra e ao Grupo Abril, que na época ainda era radiodifusora. Desde então, após um embate entre a TV Cultura e o Ministério das Comunicações, apenas a radiodifusão pública está autorizada a transmitir multiprogramação.
Com informações,TELA VIVA

Nenhum comentário

Deixe seu comentário