Destaques

A&E estreia El Chapo, série sobre um dos maiores criminosos do mundo


Produção conta a vida do narcotraficante Joaquín 'El Chapo" Guzmán, e a história real de sua ascensão, nas décadas de 80 e 90, e sua queda, em 2016


A partir de 12 de maio, o canal A&E exibe a série El Chapo, que narra a história de um dos maiores traficantes de drogas do planeta, Joaquín ‘El Chapo’ Guzmán, interpretado pelo ator mexicano Marco de La O (Rambo: Até o Fim).  Em julho do ano passado, El Chapo foi condenado à prisão perpétua nos Estados Unidos, e a pagar uma multa de 12,6 milhões de dólares ao governo. Entre seus crimes, estão formação de quadrilha, narcotráfico e lavagem de dinheiro.
Em nove episódios, a primeira temporada de El Chapo relata como um funcionário médio do cartel de Guadalajara conseguiu se tornar o homem mais procurado do México. Baseada em investigações jornalísticas, e gravada em mais de 50 cidades colombianas, a produção dramática conta a história de El Chapo a partir de 1985, quando, aos 30 anos, o integrante do cartel de Gadalajara, Joaquín Guzmán Loera termina a construção do seu primeiro túnel e permite a realização de um feito inédito até então: transportar cocaína da Colômbia para os Estados Unidos em 48 horas.
Assim, El Chapo começou sua ascensão. Formando alianças estratégicas com governantes e chefes de cartéis rivais, com o objetivo de eliminar inimigos e conquistar cada vez mais poder. Tornar-se um chefão, aliás, sempre foi seu sonho. Por ter crescido na pobreza, sua meta principal, desde a adolescência, era se tornar o chefe mais poderoso no tráfico de drogas – o que levou o Cartel de Sinaloa a se transformar na maior organização criminosa do mundo, anos mais tarde. Porém, a rápida escalada de El Chapo para a liderança do tráfico de drogas tem um preço: ele não consegue comparecer ao leito de morte de seu pai, que falece pensando que o filho jamais cumpriu a promessa de se tornar o chefão.
Para viver El Chapo, Marco de La O teve de engordar 20 quilos em apenas 15 dias. Mas essa não foi a tarefa mais difícil para o protagonista. “O mais complicado foi entender sua humanidade e fazer com que as pessoas acreditassem nele. O desafio foi tentar humanizá-lo”, conta o ator.
El Chapo conta também a história de Conrado Higuera Sol, conhecido como “Don Sol” (Humberto Busto, Amores Brutos), uma figura política que, para alcançar o objetivo de ser candidato à presidência, não hesita em negociar com grandes organizações criminosas. Assim, se torna o principal aliado de El Chapo e, depois, seu pior inimigo.
Classificação Indicativa: 16 anos

Nenhum comentário

Deixe seu comentário