Destaques

Globo é obrigada por justiça a exibir direito de resposta do Flamengo no "Domingão do Faustão"


Um novo e provável final capítulo entre o Flamengo e o apresentador Faustão surgiu neste domingo. No início do programa do 'Domingão do Faustão', o apresentador discursou sobre as críticas que proferiu durante o programa na semana passada.

Fausto Silva abriu o programa explicando o contexto das críticas que fez à diretoria do Flamengo por conta do caso que envolve as famílias dos 10 meninos mortos em um incêndio nas dependências do clube.

- Na semana passada, ao lado de duas colegas do esporte que são a Carol Barcelos e a Barbara Coelho, nós abordamos o calvário das famílias dos meninos que morreram na tragédia no centro de treinamento do Flamengo. A gente fez algumas observações, críticas e alguns elogios, principalmente a postura das torcidas organizadas que não esquecem e que fazem uma pressão para que esse assunto seja resolvido depois de mais de um ano.
Também fizemos uma observação sobre o jogador Diego Ribas, que é um grande jogador e um ser-humano extraordinário, que tentou dar e deu o apoio que as famílias mais precisam. E também uma crítica específica da minha parte com relação com a dignidade da parte humana, porque não há nenhuma indenização que possa amenizar a dor de quem perdeu um filho, muito mais trazer de volta uma dor -, afirmou.
Faustão também explicou que os dirigentes do Flamengo, que foram os alvos das críticas, exigiram a veiculação através de seus advogados de um direito de resposta, que foi a nota divulgada pelo clube durante a semana através de seus canais oficiais.
- Nesse sentido foi feito uma crítica específica. Quando você faz uma crítica, você tem que também ter como risco que a pessoa criticada ou no caso as pessoas criticadas podem não aceitar e querer um direito de resposta. Por isso, os dirigentes do Flamengo que foram criticados se sentiram desrespeitados e, através de advogados, exigiram o direito de resposta. Sob determinação da direção da Rede Globo de Televisão, eis a resposta dos dirigentes, não da instituição -, revelou.
Confira o momento da exibição do direito de resposta do Flamengo:


Um comentário:

Deixe seu comentário